Nosso método único de consultoria atingiu 98,4% de aprovações em 2023

Telefone: 0800 888 2888

Entre na China sem visto! Passageiros de cruzeiro estão isentos do documento

Turistas viajando em navio de cruzeiro para entrar na China sem visto.

O governo chinês anunciou que visitantes que chegarem ao país em navio de cruzeiro podem entrar na China sem visto. O objetivo principal dessa medida é aumentar as viagens internacionais a Pequim, a capital da nação.

A autorização de entrada chinesa não será necessária para o porto de 13 cidades:

  • Cantão;
  • Xangai;
  • Shenzhen;
  • Qingdao;
  • Tianjin;
  • Xiamen;
  • Sanya;
  • Dalian;
  • Lianyungang;
  • Wenzhou;
  • Zhoushan;
  • Beihai;
  • Haikou.

O período de permanência máximo é de 15 dias no país. Os estrangeiros também precisam sair da nação de navio em grupos, da mesma forma que chegaram ao local.

Para auxiliar na estadia dos visitantes, o WeChat Pay e o Alipay anunciaram atualizações para facilitar as transações financeiras realizadas pelos estrangeiros.

Veja também: Explorando a China – Um guia de turismo para descobrir 10 de suas maravilhas

O processo de emissão da autorização de entrada e o preço de passagens aéreas são mencionados como grandes motivos para o turismo chinês não ter recuperado os números que recebia antes da pandemia. Portanto, poder ir à China sem visto e com um transporte diferente pode se provar como uma boa estratégia. 

Outras medidas recentes para viajar a China sem visto

Recentemente, o governo chinês estendeu a isenção do documento para 11 países europeus até o final de 2025. A Malásia também recebeu o mesmo benefício.

Com isso, estrangeiros poderão entrar na China sem visto para viagens de até 15 dias. Como o anúncio anterior, essa medida visa impulsionar o turismo na nação.

Divulgado no início de 2024, a isenção do visto estava prevista para durar apenas 1 ano. Porém, agora, ela terá o dobro da duração esperada.

O projeto também tem o objetivo de fortalecer os negócios e a relação entre a China e os países estrangeiros.

As nações européias beneficiadas pelo anúncio são as seguintes:

  • Países Baixos;
  • França;
  • Bélgica;
  • Espanha;
  • Áustria;
  • Alemanha;
  • Hungria;
  • Luxemburgo;
  • Irlanda;
  • Itália;
  • Suiça.

No início de janeiro, visando a recuperação do turismo, a China também facilitou os requisitos de visto para cidadãos dos EUA.

O governo retirou algumas restrições, como a necessidade de apresentar passagens de ida e volta e ter comprovantes de reserva de hotel.

 

Fonte:

https://cnnportugal.iol.pt/cruzeiro/china/china-anuncia-isencao-de-visto-para-quem-chegar-ao-pais-em-navios-de-cruzeiro/20240515/66444a68d34ebf9bbb3d897d

Siga nas redes sociais

Notícias Relacionadas

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos te ajudar?