Nosso método único de consultoria atingiu 98,4% de aprovações em 2023

Telefone: 0800 888 2888

Guia de viagem para a África do Sul em 2024: Cultura e atrações

Cidade do Cabo, na África do Sul.

A África do Sul é um país de muitas riquezas. Por ter uma diversidade de etnias e tradições, é possível encontrar uma cultura diversa no país.

Essa variedade também está presente nos locais. Turistas visitam praias majestosas e se aventuram em enormes safáris.

Os safáris são atrações imperdíveis. Eles são muito comuns em algumas nações da África, porém nem tanto ao redor do mundo. Por isso, mais que tudo, são experiências únicas.

Neste texto, vamos discutir o que você precisa saber antes de ir para a África do Sul, como a necessidade de visto, a segurança no país e mais.

Preciso tirar o visto para a África do Sul?

Felizmente, brasileiros não precisam de visto para entrar na África do Sul para turismo ou reuniões de negócios.

A permanência é de até 90 dias e é obrigatório levar passaporte (com ao menos 30 dias de validade na data de término da viagem) e Certificado Internacional da Vacina contra febre amarela.

O seu passaporte precisa ter, no mínimo, duas páginas não usadas. Os carimbos de entrada e saída serão utilizados nelas.

A isenção do visto não é válida para pessoas que desejam trabalhar no país ou realizar um intercâmbio de longa duração (mais de 90 dias).

Caso você tenha alguma dúvida, a Embaixada em Brasília e o Consulado Geral em São Paulo estão disponíveis para te ajudar. Seus contatos são, respectivamente, mazibukoe@dirco.gov.za e guedesf@dirco.gov.za.

Qual é a melhor época para viajar para a África do Sul?

Turistas podem realizar inúmeras atividades na África do Sul, portanto, a melhor época para viajar depende do que você deseja fazer no país.

Se quer ir para, principalmente, visitar as belíssimas praias e trilhas, o período de dezembro a março (verão) é o ideal.

Porém, para os que desejam ir a um safári, viajar entre junho e agosto é mais vantajoso. Como a vegetação fica mais seca, os animais se movimentam mais para procurar comida.

Embora seja mais fácil ver a fauna, você também terá menos tempo para isso, pois os dias são mais curtos que o normal.

Durante a primavera e o outono, a temperatura é branda e o risco de chuvas é menor. Portanto, também são estações recomendadas.

Resumindo, fazer uma viagem para a África do Sul é uma boa ideia em qualquer época do ano.

Girafa em safári na África do Sul.

Como é a cultura da África do Sul?

A África do Sul abriga diversos grupos étnicos, como zulus e afrikaans, e cada um contribui para a riqueza de tradições, línguas e costumes no país.

A música e a dança são essenciais na expressão cultural da nação. Alguns exemplos característicos de cada um, respectivamente, são o Ghoema e o gumboot dance.

A culinária sul-africana tem influências africanas, europeias e asiáticas. Alguns pratos imperdíveis são os Braais, o bobotie e o biltong.

A literatura reflete as complexidades sociais do país, abordando temas como apartheid, identidade e reconciliação. Ela oferece diferentes perspectivas sobre esses assuntos e continua a evoluir. Não é surpresa que seja o berço de inúmeros grandes escritores.

Como é a segurança na África do Sul?

A África do Sul é um país relativamente seguro para turistas. É raro que visitantes sofram crimes e, quando isso acontece, são furtos sem violência.

Por isso, evite sair das zonas turísticas. É bem mais perigoso fora delas. A seguir, vamos falar mais algumas dicas sobre o assunto:

  • Pergunte no hotel que se hospedará sobre as áreas que deve evitar;
  • Guarde o passaporte muito bem e ande com cópias;
  • Não ande sozinho de noite.

Um ponto muito positivo é que a África do Sul é segura para a comunidade LGBTQIA+. Muitos países do continente consideram pertencer a esse grupo um crime, fazendo com que ela seja uma das mais seguras para essas pessoas.

Pretória, uma das capitais da África do Sul.

Principais atrações da África do Sul

Joanesburgo

Joanesburgo é um centro cultural dinâmico e o lugar perfeito para aprender mais sobre o país. O Museu do Apartheid e o Museu Nacional de História são destinos imperdíveis na sua visita.

Para os amantes de arte, o Maboneng Precinct oferece diversas galerias e murais de rua. 

Você consegue encontrar a diversidade de etnias e traduções em todo canto da cidade. Ela é celebrada com eventos culturais e pelas comunidades locais.

Parque Nacional Kruger

Como falamos, os safáris são experiências únicas e um dos maiores motivos para turistas visitarem o continente. Portanto, você não deve perder a chance de ir em um dos melhores.

O Parque Nacional Kruger contém uma diversidade imensa de animais e permite que você os observe de perto em belas paisagens perfeitas para fotos.

Além disso, o local tem guias especializados, tornando a visita ainda mais interessante e o aprendizado mais divertido.

Cidade do Cabo

Se deseja aproveitar as vistas incríveis, a Cidade do Cabo precisa ser seu próximo destino. O Cabo da Boa Esperança e a Table Mountain são apenas alguns dos lugares que vão te deixar de queixo caído.

Ela também é o local perfeito para relaxar, com praias tranquilas e jardins serenos por toda a parte.

Se você gosta de provar vinhos, então também precisa passar pelas renomadas vinícolas locais, como Stellenbosch e Franschhoek.

Essa coleção de locais torna o país um dos melhores lugares que podemos visitar sem a necessidade de visto.

Quer visitar a África do Sul? Compartilhe este texto com os amigos que precisam fazer essa viagem com você!

Siga nas redes sociais

Notícias Relacionadas

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos te ajudar?