Nosso método único de consultoria atingiu 98,4% de aprovações em 2023

Telefone: 0800 888 2888

Preparando-se para sua viagem à Coreia do Sul em 2024: Visto e dicas

Rua de noite com diversas placas de estabelecimentos na Coreia do Sul

Com o sucesso do K-pop e de doramas, muitas pessoas têm se interessado em fazer uma viagem à Coreia do Sul. Nós vamos te trazer as informações necessárias sobre o visto e mais algumas dicas para um ótimo passeio.

A Ásia é um ótimo destino para quem busca conhecer culturas diferentes, visitar lugares maravilhosos e comer muito bem.

O país tem se tornado mais popular ao redor do mundo todo, não só no Brasil. E não estamos vendo nenhuma mudança. Esse é mais um motivo para você não perder a chance de fazer essa cobiçada viagem.

Página oficial para solicitar o visto eletrônico para viagem à Coreia do Sul, o K-ETA

Como tirar o visto eletrônico K-ETA para a Coreia do Sul?

Desde 1 de abril de 2022, brasileiros podem solicitar um novo tipo de autorização para entrar na Coreia do Sul: o visto eletrônico (K-ETA).

Ele facilita o processo para viajar ao país asiático, porém é limitado para apenas três situações:

  • Turismo;
  • Visita a familiares;
  • Participação em eventos (sejam eles corporativos, acadêmicos ou religiosos).

Outra limitação é que, com ele, o tempo de permanência no país é de até 90 dias. Entretanto, isso é mais que o bastante para aprender um pouco mais sobre a Coreia do Sul e experienciar uma cultura nova.

E, é claro, caso não esteja satisfeito, é possível solicitar o visto eletrônico novamente. E você está livre para fazer isso quando quiser.

O primeiro passo é entrar no site oficial de solicitação do K-ETA. Ele ainda não pode ser acessado em português, mas a tradução do navegador poderá te ajudar. Além disso, ele está disponível em inglês, espanhol e muitas outras línguas.

A seguir, você deverá preencher um formulário a respeito da sua viagem à Coreia do Sul e de seus dados pessoais.

O processo é muito fácil e demora apenas alguns minutos. A documentação necessária durante o procedimento é:

  • Formulário preenchido;
  • Passaporte válido original e cópia simples da página de dados pessoais;
  • Carteira de identidade(RG ou RNE) original e cópia autenticada;
  • CPF Original e cópia simples;
  • Foto do solicitante;
  • E-mail de contato do solicitante.

É extremamente importante que você não minta no formulário. Os agentes consulares fazem pesquisas extensas sobre cada pessoa, portanto, você só estará diminuindo suas chances.

A última etapa do preenchimento é pagar a taxa do visto eletrônico, que é R$200,00 atualmente. 

O resultado da análise do seu processo será entregue por e-mail em até 72 horas após terminar a solicitação.

Como solicitar o visto de turismo para a Coreia do Sul?

Caso você deseje ou precise realizar uma viagem de mais de 90 dias na Coreia do Sul, será obrigatório pedir o visto na embaixada.

A autorização eletrônica traz grande facilidade, mas, infelizmente, não é válida para todas as situações.

Primeiramente, você deverá realizar o seu agendamento. Os pedidos são encaminhados ao e-mail shkwon21@mofa.go.kr. Ele também pode ser usado para tirar dúvidas sobre o processo.

O valor do documento na embaixada é um pouco mais alto, tendo uma taxa de R$300,00.

O prazo de emissão também é maior, podendo levar até 5 dias úteis para que ele fique pronto.

Onde solicitar o visto de turismo para a Coreia do Sul?

No Brasil, temos duas opções para quem deseja solicitar o visto físico: o Consulado Geral em São Paulo e a Embaixada em Brasília.

Vamos lembrar que não são aceitas solicitações sem agendamento, então você deve mandar um e-mail antes de comparecer a um dos estabelecimentos.

Eles atendem solicitantes de áreas determinadas. Portanto, para ser atendido no Consulado Geral você deve morar em:

  • São Paulo; 
  • Paraná; 
  • Santa Catarina; 
  • Rio Grande do Sul;
  • Mato Grosso;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Rio de Janeiro. 

Todos os outros requerentes devem se dirigir à Embaixada de Brasília para finalizar o seu processo de solicitação.

Ambos os órgãos funcionam de segunda a sexta-feira. Enquanto o Consulado está aberto das 8h30 às 16h30, a Embaixada fecha uma hora mais tarde.

Rua em Bucheon, na Coreia do Sul, com duas bandeiras do país penduradas e muitas árvores

Qual a melhor época para viajar para a Coreia do Sul?

Essa é uma das vantagens da Coreia do Sul: praticamente todas as épocas são ótimas para viajar e trazem uma experiência diferente.

Apenas recomendamos que evite agosto, pois esse mês tem um alto volume de chuvas, sendo quase impossível sair sem guarda-chuva.

Para decidir a melhor hora para sua visita ao país, primeiro deve decidir o que não pode perder lá.

Se quer ver as incríveis cerejeiras, a época certa é entre abril e maio, pois será primavera.

Quem desejar visitar praias e ilhas, o verão é a estação certa. Portanto, junho e julho são o momento ideal.

Por fim, quem quer realizar aquele sonho de ver neve, deve ir entre o outono e o inverno. Ou seja, a partir de setembro. Mas tome cuidado, pois pode ficar muito frio.

Quais apps podem te ajudar na sua viagem à Coreia do Sul?

Também separamos alguns aplicativos que podem te salvar durante a viagem. O primeiro, que não pode faltar, é o Papago.

Ele é a melhor opção para tradução simultânea de coreano no momento. Ele é mais útil que o Google tradutor e vai te tirar de várias enrascadas.

O Google Maps funciona muito bem na Coreia do Sul, porém, o Naver Maps é uma alternativa superior. Ele pode até mostrar o interior de alguns locais, como shoppings.

Por último, como você tem um mapa, não pode faltar a forma de locomoção. O KakaoTalk é usado para encontrar táxis confiáveis rapidamente. Caso deseje andar de ônibus, o Navel também poderá ser usado.

 

Fonte:

https://overseas.mofa.go.kr/br-pt/wpge/m_6088/contents.do

Siga nas redes sociais

Notícias Relacionadas

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos te ajudar?